Como Criar seu primeiro Currículo

Como Criar seu primeiro Currículo

Como Criar seu primeiro Currículo

Se você pretende começar a trabalhar, mas não acha que tem as habilidades e experiência para o trabalho que deseja? Ou tem medo de apresentar um currículo em branco e ser rejeitado pelos recrutadores?

Você não está sozinho. Saiba que estas são preocupações comuns para os jovens que procuram seu primeiro emprego. Com isto em mente, reunimos essas dicas para criar seu primeiro currículo, mesmo sem experiência. Siga-os e se destaque no mercado de trabalho.

Comece com Informações Pessoais, Mas não Exagere

Quando você enviar um currículo, a primeira coisa que o recrutador verá são as informações pessoais do candidato, que devem ser como um cartão de visita, informando-os de forma clara e rápida:

  • Nome
  • Estado Civil
  • Idade
  • Endereço (incluindo CEP)
  • Detalhes de contato tais como: telefone residencial, celular ou e-mail
  • Perfis nas redes sociais

Nesta fase, entretanto, é importante ter cuidado para não exagerar ou incluir informações desnecessárias que resultarão na rejeição de seu currículo. Portanto, evite:

  • Documentos de CPF e RG
  • Fotografias, a menos que seja exigido no anúncio da vaga. Nesse caso, eles devem estar no formato 3×4
  • Endereços de e-mail não profissionais, como [email protected] Prefira [email protected]

Definir o Objetivo Profissional

O segundo passo para montar seu primeiro currículo é determinar seu objetivo profissional. Mas sobre o que escrever? O ideal é que o objetivo seja claro e direcionado para a posição. Evite escrever coisas como:

  • Pretendo adquirir novas habilidades em um ambiente de trabalho que ofereça oportunidades de crescimento.

Tais textos soam vagos, eles não dizem nada. Suponha que você esteja tentando conseguir um emprego como vendedor em uma loja de varejo, você poderia escrever algo como isto:

  • Eu quero trabalhar na área de vendas, melhorar minhas habilidades como vendedor(a) e ganhar experiência trabalhando com o público.

Destaque suas Realizações Escolares e Extracurriculares

O próximo passo é enfatizar seu histórico educacional. Não fale apenas onde você frequentou o ensino médio ou a faculdade.

Por exemplo, se você estiver estudando literatura, um curso extracurricular de linguagem de sinais (LIBRAS) ou escrita criativa é considerado um ponto importante que complementa sua formação acadêmica. O mesmo vale para palestras e seminários relacionados ao cargo que deseja.

É aqui que você pode demonstrar que, mesmo que não tenha experiência profissional, está disposto a aprender e ter um objetivo profissional definido, o que enriquecerá seu primeiro currículo e o destacará da concorrência.

Ao preencher este campo, você deve começar com a sua formação mais recente e sempre preencher o título do curso, a instituição e o ano de conclusão ou data prevista pro término.

Não se esqueça das habilidades linguísticas. Por exemplo:

  • Inglês – Ípsilon Idiomas – 2015 – Nível intermediário em leitura, facilidade em escrever parágrafos curtos. Nível básico de conversação.

Informe suas Experiências como Voluntário

Se você já foi voluntário ou já fez alguns pequenos serviços, mesmo informalmente, como ajudar em uma loja local, é importante destacar esta informação em seu currículo. Os recrutadores valorizam os candidatos que demonstram que tiram proveito das oportunidades de crescimento pessoal e profissional.

Destaque suas Qualificações Profissionais

Quando você for montar o seu primeiro currículo, você pode substituir o campo “Experiência profissional” pelas qualificações, qualidades e conhecimentos adquiridos ao longo dos anos que o ajudarão na vaga desejada.

Você deve, portanto, realizar um exercício de autoconscientização. Pense nas características do cargo ao qual você está se candidatando, que habilidades são necessárias e que habilidades você tem.

Por exemplo, o cargo de “estagiário de redes social” requer candidatos que sejam conhecedores das mídias sociais, que escrevam com facilidade para diversos públicos e que conheçam métricas como o engajamento, entre outras. E você descobrirá que tem estas qualificações se você:

  • Você é engajado nas redes sociais;
  • Tem boas relações com as pessoas;
  • Conhece ferramentas como Photoshop e Corel para ajudar a criar o trabalho artístico necessário para as redes sociais;
  • Tem um senso de organização, que é essencial para o planejamento do conteúdo;
  • Tem a criatividade de escrever para públicos diversos;
  • Você pensa rápido quando se trata de criar novos conteúdos.
  • Você pode destacar estes elementos como qualidades profissionais para aumentar suas chances de conseguir um emprego.

Não se Esqueça de Informações Adicionais

Algumas informações não foram mencionadas no texto acima, mas são essenciais para seu primeiro currículo ou para melhorar suas chances de conseguir um emprego, por exemplo:

  • Capacidade de viajar ou de se mudar: se você estiver tentando encontrar um emprego em outra cidade. Por exemplo, se você tem família em um endereço diferente, você pode destacar estas informações.
  • Se você tem uma deficiência, como perda auditiva, você pode declarar que tem “perda auditiva moderada, usa um aparelho auditivo e se comunica bem oralmente” e indicar se você precisa de ajustes.

O Que Evitar no Currículo?

Finalmente, você deve se certificar de que seu currículo não seja muito longo ou ilegível. Abaixo você encontrará informações sobre o que deve ser evitado.

Formatação e ortografia – Seja direto, escreva apenas o que é necessário, evitar erros ortográficos, não exceder duas folhas de papel A4, evite itálico ou caligrafia ilegível, preferir fontes tradicionais e legíveis como Arial ou Times New Roman, evite assinar e datar seu currículo, evite colorir o currículo, sublinhe tópicos e informações importantes em negrito.

Dados pessoais e referências – Evite inserir documentos, nomes de pais e parentes. As referências só devem ser fornecidas se solicitadas durante uma possível entrevista. O mesmo se aplica às fotografias e aos detalhes salariais, que só devem aparecer no currículo se solicitados na descrição da vaga em que você se candidatou.

Conhecimentos e habilidades – Não exagere em seus conhecimentos de informática e linguagem, pois se eles não estiverem corretos serão facilmente descobertos durante a entrevista.

Como você pode notar nesse artigo, criar seu primeiro currículo sem experiência de trabalho não precisa ser complicado. Se você utilizar todas as nossas dicas, poderá criar um currículo atraente que destaque suas habilidades e conhecimentos e melhore suas chances.

Notícias

Deixe um comentário